quinta-feira, 14 de julho de 2011

O que não dá para esquecer...

Quando eu era menina, eu achava que ia crescer e ser uma heroína como as dos HQs fantásticos e que ia acabar com um monte de coisas ruins que existem neste mundo. Bastou crescer para saber que uma andorinha não faz verão, apenas começa na busca de outras para a jornada, até que ajam andorinhas suficientes para anunciar a chegada, a realização, a conclusão...

Uns, começam campanhas, que vemos, depois de muitos e muitos anos, erradicar uma coisa lastimável...e às vezes, apesar de muitos empenhados, ainda temos de constatar que não houve ação suficiente.

A vida hoje, ainda persiste em mostrar certos fatos para todos nós...governos após governos, instituições de auxílio mundiais, uma após outra são criadas para tentar acabar com certos males culturais e sociais, mas hoje, século XXI, em 2011, ainda temos a tristeza e a sensação de impotência, a desconfiança de saber o que é feito com tanto dinheiro que é investido e movimentado no mundo ao ver coisas como estas que seguem nesta reportagem abaixo:




""RIO - Construído há 20 anos para abrigar 90 mil pessoas vindas da guerra civil da Somália, os acampamentos de Dadaab, no Quênia, são considerados o maior campo de refugiados do mundo, abrigando hoje mais de 350 mil somalis. De acordo com uma previsão do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur), até o final deste ano Dadaab será a residência de 450 mil pessoas, o equivalente à duas vezes a população de Genebra. Nos primeiros quatro meses do ano, foram mais de 41 mil novas chegadas.

Além de conflitos internos, a Somália e outros países da África Oriental, como Etiópia e o próprio Quênia, passam pela pior seca dos últimos 60 anos. Nesta terça-feira, a ONU chamou a atenção para a crise humanitária na região, onde a temporada sem chuvas atinge cerca de 11 milhões de pessoas, e fez um apela a comunicada internacional.

- O custo humano desta crise é catastrófico. Nós não podemos nos dar o luxo de esperar - disse o secretário-geral da ONU, Ban ki-moon - Nós admitimos que temos que fazer de tudo para evitar que essa crise se aprofunde."" (Fonte: RIO)

Agora , eu, Luísa, imagino...quanto dinheiro estes orgãos mobilizam...quanta gente especializada eles contratam e pagam...Mas...eles não sabem NUNCA o que fazer...já perdi a conta destas declarações nestes 46 anos...e pergunto:

_ Afinal para quê existe esta coisa chamada ONU?????

terça-feira, 5 de julho de 2011

Hábitos saudáveis na alimentação infantil

Fonte: Vista-se

O autor vegano César Obeid, especializado em literatura infantil, tem mais um livro em favor do veganismo em sua obra. Neste livro, ele mostra para as crianças como pode ser divertido e gostoso se alimentar bem, longe dos fast-foods e salgadinhos.
O livro traz curiosidades sobre os vegetais, informações nutricionais e saborosas receitas bem fáceis de fazer! E, para completar, as páginas do livro foram ilustradas com a técnica da massinha de modelar.
Este livro é uma oportunidade para que os alunos realmente coloquem a mão na massa, seja produzindo (e consumindo!) as receitas sugeridas, seja fazendo seus próprios vegetais preferidos com massinha de modelar.

Encontre na Livraria Resposta ou nas Lojas da Americanas.com


Nota da Luísa: Excelente idéia, pois estes hábitos devem ser cultivados desde a infância! Incentivem a garotada...só terão a ganhar em questões de saúde e crescimento.

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Foo Fighters vegetarianos!



Acima o logo da banda e abaixo, seus integrantes:






Integrantes do Foo Fighters pedem comida vegetariana para turnê!

Fonte: Vida Vegetariana

A banda de rock Foo Fighters pediu somente comida vegetariana em sua turnê. Todos os integrantes do grupo e outros 20 membros da equipe comerão alimentos sem nada de carne. O pedido está em um documento de 52 páginas contendo os pedidos da banda que foi enviado aos contratantes.

“Frango não é vegetariano. Peixe muito menos. Se você considera peixe e frango alimentos vegetarianos, você deveria largar seu emprego”, diz uma parte do documento. “Lembre que vegetariano é algo que NÃO tenha rosto”.

Para preservar o meio ambiente, os integrantes ainda pedem utensílios como pratos, copos e talheres que não sejam descartáveis.