domingo, 29 de agosto de 2010

Luísa Artèsa, Carlos Von Schmidt, Fórmula 1 e os domingos de chuva

Domingo de F1, de chuva e de Yakissoba do China in Box...


Carlos Von Schmidt foi um bom amigo e grande companhia de conversas, que continua, para mim, muito vivo...


Por muitas vezes, enquanto assistiamos as corridas de fórmula 1, almoçando um delicioso yakissoba do China in Box, que ele mandava buscar, com o biscoirinho da sorte e o abacaxi caramelado que não podia nunca faltar, nestas ocasiões, entre as investidas com o hashi e tomando um bom vinho tinto e seco, a gente falava de tudo um pouco, contávamos nossas memórias, e ao mesmo tempo, eu, conhecida hiperativa, rabiscava...neste meio tempo foram muitos as pinturas de bastão colorido sempre com cenas de chuva...e ele dizia, é isto e não florzinhas que tem que pintar...é diferente, sem igual, tem marca, é a sua cara...kkk


E eu ria e contava que na infância, eu tinha manias...andava sempre com uma bolsinha de cetim rosa, cheia de lápis de cera, e canetas, dada por minha avó materna, uma mulher linda e culta de um sorriso resplandecente, e que sempre andava fazendo 'arte'...e invariavelmente duas cenas, eram as preferidas...as de chuva e os campos de amapola, pavot, cocquelicot ou papoula como alguns chamam, sempre vermelhinhas, salpicadas no verde de vários tons...
Esta mania eu a tenho até hoje...são inúmeros os guarda-chuvas coloridos, os campos de amapola vermelhas...uma mania que nunca vou perder.




'Amapolitas Rojas'

'Chegando de viagem'


'Ensinando baseball na chuva'

'Lady in red crossing the square'



'A family under the rain'


'Chuva que não pára"


'Esperando o ônibus'




'Hora do rush na chuva'


'Lady in red under the rain'


'O cavalheiro na chuva'


Nenhum comentário: